Workshop de Retrato (Porto)

195€
Ver Carrinho
Workshop de Retrato (Porto)

O retrato é uma das mais apaixonantes áreas da fotografia. Um bom retrato revela perfeição técnica e permite ao observador contactar num ambiente de silêncio, com o retratado.

O Workshop de Retrato é constituído por sessões teórico-práticas que proporcionam tanto a formação técnica ao nível da iluminação como a formação cultural e crítica do fotógrafo de retrato.

Objectivos

– Contextualizar a evolução estética da fotografia de retrato com o desenvolvimento cultural;
– Controlar as fases de desenvolvimento de um projecto fotográfico;
– Aplicar técnicas de iluminação de acordo com o tipo de retrato a realizar.

Destinatários/ Pré-requisitos

Pessoas com bons conhecimentos de técnica fotográfica e que estão à vontade no manuseamento de câmeras DSLR no modo manual.

Equipamento necessário

Os formandos devem dispor de uma câmera fotográfica digital que permita o completo controlo manual da exposição, da focagem, da sensibilidade e da temperatura de cor, preferencialmente uma câmera do tipo DSLR, Bridge ou Mirrorless.

Certificado

É atribuído um Certificado de Frequência de formação aos formandos que frequentem no mínimo 70% das sessões de formação.

Valor

€ 195,00, a pronto pagamento.
Isento de IVA ao abrigo do nº 15 do Artº 9 do CIVA.
Beneficiam de um desconto de 10% os antigos e actuais formandos do IPF e os inscritos ao abrigo do programa “Traga um Amigo” (descontos não acumuláveis).

Calendário

Início: 10 de Fevereiro de 2017  Estão abertas as inscrições
Término: 25 de Fevereiro de 2017
Horário fim-de-semana: aulas à 6ª feira das 20:00 às 23:00 horas e ao sábado das 10:00 às 13:00 e das 14:30 às 17:30 horas.

Início: 28 de Abril de 2017  Estão abertas as inscrições
Término: 13 de Maio de 2017
Horário fim-de-semana: aulas à 6ª feira das 20:00 às 23:00 horas e ao sábado das 10:00 às 13:00 e das 14:30 às 17:30 horas.

Inscrição

A inscrição pode ser feita na Secretaria do IPF ou por e-mail (ipf.porto@ipf.pt) pela entrega da Ficha de Inscrição, cópia do documento de identificação (BI ou CC) e cartão de contribuinte e pelo pagamento da quantia que for devida.

O pagamento pode ser feito na Secretaria do IPF, em numerário ou cheque, ou por transferência bancária para o IBAN: PT50 0007 0000 0023 6890 58823 (Novo Banco).

O IPF só se obriga à abertura de cursos que tenham pelo menos 12 inscrições. Caso a formação não tenha início e o pagamento tenha sido efectuado, o IPF devolverá esse valor.

Características

  • Sessões 4
  • Testes 0
  • Duração 24 horas
  • Nível Todos os níveis
  • Idioma Português
  • Formandos 111
  • Avaliações Formador
  • Conteúdos programáticos

    • Sessão 1.1 Referências: Introdução ao enquadramento social e histórico; Bloqueado 0m
    • Sessão 1.2 Produção: Pesquisa sobre tema ou pessoa; identificação das necessidades logísticos; Bloqueado 0m
    • Sessão 1.3 Iluminação: Luz natural; luz artificial contínua; luz artificial de flash; temperatura da cor; acessórios de modulação; Bloqueado 0m
    • Sessão 1.4 Edição: Análise critica dos trabalhos realizados; construção narrativa. Bloqueado 0m
Profile photo of IPF
IPF

Instituição

O Instituto Português de Fotografia é uma instituição de formação dedicada à fotografia.
Profile photo of Nelson D'Aires
Nelson d'Aires, Vila do Conde, Portugal, 1975. Vive e trabalha no Porto. Formado em obras de construção e técnicas deixa esse negócio em 2005. Em 2006, estabeleceu como fotógrafo freelance fazendo principalmente obras de autoria no campo da fotografia documental e arte, cumprindo assim o seu desejo de se dedicar em tempo integral à pesquisa e desenvolvimento da fotografia que ele começou a aprender em 2002, como autodidata. Em 2006, ele também é o vencedor da FNAC Novo Talento Fotografia com a série "Contra Fogo". No início de 2007 ele é convidado a ser membro da Kameraphoto coletiva onde permanece actualmente a desenvolver trabalhos coletivos (exposições e livros) como "estado de coisas" (2009), "450" ?? (2008/2009) e "Um Diário da República "(2010). No mesmo ano foi o vencedor da 7 ª edição do prêmio Fotojornalismo Visão | BES 2007 na categoria reportagem, com um trabalho sobre a trasladation da Irmã Lúcia para Fátima. Ele fez solo de muitos e exposições colectivas e está representado em colecções particulares. Em 2011 ganhou o Prêmio Internacional de Fotojornalismo Estação Imagem / Mora, o maior prêmio de fotojornalismo actualmente atribuído em Portugal. É desde 2012 formador da disciplina de Retrato no Instituto Português de Fotografia.